• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Tribunal eleitoral absolve Vaccari Neto de acusação de caixa dois

Ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, teve sentença de lavagem de dinheiro e associação criminosa anulada em sessão desta terça-feira (27)

Publicado: 28 Julho, 2021 - 15h38

Escrito por: RBA

Agência Brasil
notice

O ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, foi absolvido de crime de caixa dois eleitoral, em sessão de julgamento no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE), nesta terça-feira (27). Vaccari foi beneficiado de sentença que também absolveu, da mesma acusação, o ex-prefeito Fernando Haddad e Francisco Macena, este tendo atuado como tesoureiro na campanha de 2012.

Segundo notícia do portal Migalhas, na sessão desta terça-feira, a Corte anulou sentença que havia condenado Vaccari por lavagem de dinheiro e associação criminosa. 

De acordo com a defesa do ex-tesoureiro, conduzida pelo criminalista Luiz Flávio Borges D’Urso (D’Urso e Borges Advogados Associados), a denúncia foi oferecida em maio de 2018, imputando-lhe a conduta de falsidade ideológica.

O Ministério Público (MP) havia denunciado Vaccari por crime eleitoral. O advogado explica que juízo de 1º grau absolveu Vaccari deste crime e que mesmo tendo se declarado incompentente par análise de outros crimes, “surpreendentemente", o condenou pelos crimes de lavagem de dinheiro e associação criminosa. Essas imputações que não constavam na denúncia e, portanto, não houve a chance de Vaccari se defender. 

No julgamento do TRE, a sentença foi anulada e Vaccari, absolvido.