• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Frentes convocam atos pela redução do preço do gás e da gasolina

Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo chamam população para atos e paralisações contra a política de preços da Petrobrás no dia em que os petroleiros iniciam greve. Confira cidades com atos marcados

Publicado: 29 Maio, 2018 - 18h51 | Última modificação: 29 Maio, 2018 - 16h34

Escrito por: Érica Aragão

Divulgação
notice

Pela redução do preço do diesel, da gasolina e do gás de cozinha, pela mudança na política de preços, em defesa da Petrobras como empresa pública, pela saída de Pedro Parente da presidência da companhia e por eleições livres e democráticas, as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo conclamam a população a participar de mobilizações na próxima quarta-feira (30).

Reunidas na tarde desta segunda-feira (28) na sede da CUT, as frentes, que representam mais de 100 entidades, entre elas CUT, MST, MTST, CTB, Intersindical, CMP, UNE e Marcha Mundial das Mulheres, entre outras, divulgaram uma nota chamando a população e explicando as razões da manifestação nesta quarta.

“O povo brasileiro está indignado com o alto custo de vida, o valor do gás e do combustível, que já aumentou mais de duzentas vezes em dois anos e exige respostas imediatas.Por isso, apoiamos a luta dos caminhoneiros em greve e dos petroleiros que iniciarão uma greve de advertência de 72h a partir de 0h do dia 30. Nosso apoio se concretiza com solidariedade e luta! Portanto chamamos todas as pessoas a participarem do Dia de Luta em todo o país nesta quarta-feira, dia 30 de Maio”, diz trecho da nota.

Segundo a nota, “a disparada do preço do combustível se deve à política implantada por Michel Temer e Pedro Parente que submetem o nosso país, autossuficiente em petróleo, às variações e interesses do mercado internacional".

Outro trecho da nota reafirma a defesa da empresa pública e denuncia o ilegítimo: "Temer e sua base atuam para entregar a Petrobras às empresas multinacionais, agravando o problema dos preços do gás e dos combustíveis, nós dizemos que ela é do Brasil. É patrimônio do nosso povo e vamos continuar a defendê-la".

As frentes também defendem a democracia e são contra qualquer qualquer tipo de repressão.

“É fundamental garantir eleições livres e democráticas com a participação de todas as candidaturas. A única saída dessa crise passa pela retomada da democracia e pela defesa dos direitos do povo, contra todo o tipo de injustiça, violência e repressão”, diz trecho final da nota.

Confira abaixo a íntegra da nota:

QUARTA, 30 DE MAIO É DIA NACIONAL DE LUTA

Pela redução do preço do gás e do combustível, Frentes convocam dia nacional de luta.

O povo brasileiro está indignado com o alto custo de vida, o valor do gás e do combustível, que já foi reajustado mais de duzentas vezes em dois anos e exige respostas imediatas.

Por isso, apoiamos a luta dos caminhoneiros em greve e dos petroleiros que iniciarão uma greve de advertência de 72h a partir de 0h do dia 30.

Nosso apoio se concretiza com solidariedade e luta! Portanto chamamos todas as pessoas a participarem do Dia de Luta em todo o país nesta quarta-feira, dia 30 de Maio.

A disparada do preço do combustível se deve à política implantada por Michel Temer e Pedro Parente que submetem o nosso país, autossuficiente em petróleo, às variações e interesses do mercado internacional.

Enquanto Temer e sua base atuam para entregar a Petrobras às empresas multinacionais, agravando o problema dos preços do gás e dos combustíveis, nós dizemos que ela é do Brasil. É patrimônio do nosso povo e vamos continuar a defendê-la. Por isso, exigimos a saída imediata do presidente da Petrobras Pedro Parente, a mudança na política de preços e o fim de qualquer tentativa de desmonte e privatização.

Está claro que o caos que o nosso país vive é fruto direto da falta de democracia e de um governo ilegítimo que está de costas para o povo. Por isso, mais do que nunca, é fundamental garantir eleições livres e democráticas com a participação de todas as candidaturas. A única saída dessa crise passa pela retomada da democracia e pela defesa dos direitos do povo, contra todo o tipo de injustiça, violência e repressão.

Pela redução do preço do diesel, da gasolina e do gás de cozinha!

Mudança imediata da política de preços dos combustíveis: Fora Parente!

Em defesa da Petrobras estatal, não à privatização!

Fora Temer! Por eleições livres e democráticas!

FRENTE POVO SEM MEDO
FRENTE BRASIL POPULAR

Veja os locais com atos marcados (em atualização):

AMERICANA/SP
17h30, Praça Comendador Muller

ARACAJU/SE
6h, em frente a sede da Petrobras na Rua Acre, 2504

BELO HORIZONTE/MG
Hoje, 29, Ato na Praça Sete

BRASÍLIA
16h, no Gramado em frente a Rodoviária

CAMPINAS/SP
16h, Largo do Rosário

FLORIANÓPOLIS/SC
Hoje, 29, 17h, Panfletagem no TICEN

30 - 15h, Largo da Catedral

GOIÂNIA/GO
17h, Protesto na BR 153 no Posto Capim Dourado ao lado do Estádio Serra Dourada

PERUIBE/SP
17h30, no Terminal Rodoviário

PIRACICABA/SP
16h, Praça do Terminal Central

NATAL/RN
6h, Ato na Base da Petrobras na Rua Euzébio Rocha, 1000

RIO DE JANEIRO/RJ
Hoje, 29, 18h, Plenária Unificada no Auditório da CUT-Rio

SALVADOR/BA
Hoje, 29, Plenária de Organização às 16h no Sindicato dos Comerciários

SAO PAULO/SP
18h, em frente a Petrobras na Avenida Paulista, 901

TERESINA/PI
8h, Concentração em frente à AGESPISA e Passeata