• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Mujica renuncia ao cargo de senador por motivos pessoais e cansaço

Na carta onde anuncia a renúncia, o ex-presidente uruguaio, de 83 anos, alega "cansaço de longa viagem"

Publicado: 14 Agosto, 2018 - 15h10 | Última modificação: 14 Agosto, 2018 - 15h17

Escrito por: Redação CUT

Gibran Mendes, da CUT-PR
notice

O ex-presidente do Uruguai José Mujica, 83 anos, divulgou uma carta, nesta terça-feira (14), anunciando que renunciou ao cargo de senador por motivos pessoais e "cansaço de longa viagem".

Pepe Mujica, como é conhecido popularmente, foi Presidente da República do Uruguai entre 2010 e 2015, quando foi eleito senador.

"Enquanto a mente funcionar, não renunciarei à solidariedade e à luta de ideias”, disse o agora ex-parlamentar na carta que termina com um pedido de "sentidas desculpas" aos demais senadores "caso alguma vez, no calor dos debates, possa ter ferido de forma pessoal" algum deles.

Em julho, Pepe Mujica recusou o pedido do Movimento de Participação Popular para ponderar a respeito de uma nova candidatura presidencial.

Leia a íntegra da carta de renúncia: