• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Morre o companheiro Orlando Vincenci, fundador e ex-dirigente da CUT

Gaúcho foi agricultor familiar e iniciou a sua trajetória na militância na Pastoral da Juventude Rural (PJR) e foi uma das principais lideranças na construção do novo sindicalismo

Publicado: 30 Julho, 2020 - 17h43 | Última modificação: 30 Julho, 2020 - 17h50

Escrito por: CUT - RS

Reprodução
notice

A CUT-RS comunica com profundo pesar o falecimento nesta quinta-feira (30) do companheiro Orlando Furini Vincenci, vítima de infarto fulminante.

Gaúcho de Tenente Portela, foi agricultor familiar e iniciou a sua trajetória na militância na Pastoral da Juventude Rural (PJR) e foi uma das principais lideranças na construção do Novo Sindicalismo.

Dirigente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Tenente Portela, participou da fundação da CUT e integrou a primeira Executiva Nacional do Departamento Nacional dos Trabalhadores Rurais (DNTR-CUT). Foi eleito secretário de Finanças no 1º Congresso do DNTR-CUT, realizado entre 30 de abril e 4 de maio de 1990.

Foi também presidente do Departamento de Estudos Socioeconômicos Rurais (DESER) e assessor da Secretaria Nacional de Organização da CUT.

Com essa trajetória ligada aos movimentos sociais do campo, ele foi um dos responsáveis pelo que se tornou hoje a Contraf-Brasil, a Confederação dos Trabalhadores e Trabalhadoras da Agricultura Familiar, que divulgou nota de solidariedade para a sua família pela partida do grande companheiro de luta.

A secretária-geral da CUT-RS e diretor da Fetraf-RS, Cleonice Back, afirmou que “Orlando era um companheiro histórico e que muito ajudou na organização da Agricultura Familiar”.

Para a dirigente sindical, “ele deixa um imenso legado de luta, militância e defesa dos agricultores familiares. Que Deus lhe conceda o descanso eterno”.

Orlando, presente!