• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Massacre de Suzano: 'Estamos virando uma cópia malfeita dos EUA', diz Feijóo

Armar a população conduz a um estado de selvageria, como nos Estados Unidos, onde onde ataques com armas de fogo se repetem

Publicado: 15 Março, 2019 - 09h29

Escrito por: Redação RBA

notice

O massacre na escola em Suzano, que terminou com dez mortos, é resultado do clima de ódio, intolerância e irracionalidade que vai tomando o país. Para o comentarista político do Seu Jornal, da TVT, José Lopez Feijóo, estamos virando uma cópia malfeita do Estados Unidos, "naquilo que a nação norte-americana tem de pior".

Lá, onde o acesso às armas é quase irrestrito, chacinas em escolas, universidade e outros locais públicos, não são fatos isolados. E tanto o presidente norte-americano, Donald Trump, como o atual mandatário brasileiro, Jair Bolsonaro (PSL), defendem a liberação indiscriminada das armas de fogo, sob o argumento de garantia do direito de defesa do cidadão.

Feijóo também criticou fala do senador Major Olímpio (PSL-SP), que pouco depois da tragédia afirmou que "se tivesse um cidadão armado dentro da escola, um professor, um servente, um policial aposentado lá, ele poderia ter minimizado o efeito da tragédia". Na verdade, isso só faria aumentar o número de mortos, ocasionando um tiroteio entre os agressores e outras pessoas armadas.

"Estamos vivendo um confronto brutal entre civilização em barbárie e até agora, a barbárie, vai ganhando mais espaço. É preciso que aqueles que querem uma sociedade que conviva de maneira civilizada se oponham fortemente a este tipo de pensamento que só provoca tragédia derramamento de sangue, morte, luto e pesar. O Brasil precisa de paz", afirma o comentarista.

carregando
carregando