• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Lideranças da Agricultura Familiar debatem estratégias de luta por direitos

Encontro, que reúne sindicalistas de 20 estados, vai decidir as ações e estratégias que realizarão este ano para garantir as políticas públicas para o campo e meio ambiente

Publicado: 22 Janeiro, 2019 - 11h37 | Última modificação: 22 Janeiro, 2019 - 11h44

Escrito por: Patrícia Costa, Contraf Brasil

Reprodução
notice

A Contraf Brasil está reunida com lideranças da Agricultura Familiar de todo o país, em Brasília, para discutir ações e estratégias para garantir as políticas públicas de desenvolvimento sustentável e os direitos aos trabalhadores e trabalhadoras do campo.

Nesta quarta-feira (22) e também na quinta (23), os sindicalistas vão debater questões como, reforma agrária, regularização de terras, programas de comercialização e produção de alimentos, habitação, assistência técnica, defesa do meio ambiente e aposentadoria, que vem sendo ameaçada pela reforma da Previdência do governo de Jair Bolsonaro (PSL), que ainda não detalhou a proposta que vai apresentar ao Congresso Nacional no próximo dia 1º de fevereiro, quando termina o recesso dos parlamentares.

A atividade, que é a primeira reunião da coordenação ampliada da Contraf Brasil em 2019, também tem a finalidade de avaliar a conjuntura nacional, definir as bandeiras de luta e mobilizações.

Nesta terça, com representação em 20 estados, a organização sindical reafirma sua luta na construção de um sistema de produção sustentável, com cidadania, solidariedade a fim de viabilizar um modelo socioeconômico mais justo e diminuindo as desigualdades sociais.

Além das lideranças nacionais e estaduais da Contraf Brasil, participam da atividade, que está sendo realizada no Centro de Capacitação e Comercialização, bloco 02, sala 02, - SIA trecho 10, CEASA-DF, diretores da Central Única dos Trabalhadores (CUT).

carregando
carregando