• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

INSS paga hoje 1ª parcela antecipada do 13º de aposentados. Confira calendáiro

Pagamento será feito em duas parcelas. Na primeira, que começa a ser paga nesta quarta para quem ganha um salário mínimo e tem benefício com final 1, o INSS deposita 50% do valor do benefício

Publicado: 25 Maio, 2021 - 12h41 | Última modificação: 25 Maio, 2021 - 12h54

Escrito por: Redação CUT

Marcello Casal Jr/Agência Brasil
notice

O Instituto Nacional do Seguro Social (INS) começa a depositar nesta quarta-feira (25), o 13º salário de aposentados e pensionistas que foi antecipado em três meses por causa da crise econômica, agravada pela pandemia do novo coronavírus, que já matou mais de 450 mil pessoas no Brasil.

O pagamento será feito em duas parcelas. Na primeira, que começa a ser paga hoje, o INSS deposita 50% do valor do benefício, na segunda tem descontos de quem paga Imposto de Renda.

As datas de depósito do 13º salário antecipado variam conforme o valor da aposentadoria e o número final do benefício. 

De hoje até o dia 8 serão depositado o 13º de quem recebe um salário mínimo e o número do benefício termina com o número 1.

Nos próximos dias, vão receber os aposentados e pensionistas que têm números finais do benefício.

Já quem ganha mais de um salário mínimo começa a receber no dia  1º de junho.

A segunda parcela do 13º antecipado será paga entre 24 de junho e 7 de julho. Veja a seguir o calendário de pagamento da primeira parcela.

Confira o calendário de depósito:

Benefícios com valor de até um salário mínimo (até R$ 1.100)

Final do NIS

Maio1ª parcela do 13º

Junho2ª parcela do 13º

1

25 de maio

24 de junho

2

26 de maio

25 de junho

3

27 de maio

28 de junho

4

28 de maio

29 de junho

5

31 de maio

30 de junho

6

1º de junho

1º de julho

7

02 de junho

02 de julho

8

04 de junho

05 de julho

9

07 de junho

06 de julho

0

08 de junho

07 de julho

Benefícios com valor acima de um salário mínimo (acima de R$ 1.100)

Final do NIS

Junho: 1ª parcela do 13º

Julho: 2ª parcela do 13º

1 e 6

1º de junho

1° de julho

2 e 7

02 de junho

02 de julho

3 e 8

04 de junho

05 de julho

4 e 9

07 de junho

06 de julho

5 e 0

08 de junho

07 de julho

De acordo com a Secretaria de Previdência, aposentados e pensionistas que passaram a receber o benefício depois de janeiro deste ano não receberão 50% do valor do benefício na primeira parcela. Neste caso, o valor será calculado proporcionalmente aos meses em que a pessoa recebe o benefício.

Já os segurados que recebem benefício por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença) também têm direito a uma parcela menor do que os 50%. Nesse caso, a antecipação é calculada de acordo com o tempo de duração do benefício.

Por lei, não têm direito ao 13º salário os segurados que recebem benefícios assistenciais.

A antecpação do 13º salário de aposentados e pensionistas, assim como ocorreu no ano passado, tem como objetivo incrementar a renda dos beneficiários que têm direito ao abono, injetando R$ 52,7 bilhões na economia, cuja crise foi agravada pela pandemia do novo coronavírus e pela falta de políticas públicas e propostas efetivas para aquecer a economia e gerar emprego e renda. Em quase dois anos e meio de gestão, o governo de Jair Bolsonaro (ex-PSL) não apresentou uma proposta sequer de desenvolvimento econômico com geração de emprego e distribuição de renda.