Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Timóteo

Metasita e ArcelorMittal se reúnem nesta quinta-feira, no TRT-BH

Escrito por: Sindicato dos Metalúrgicos de Timóteo • Publicado em: 13/05/2009 - 17:37 Escrito por: Sindicato dos Metalúrgicos de Timóteo Publicado em: 13/05/2009 - 17:37

Oorrerá nesta quinta-feira (14), às 13h30, no 8º andar do TRT-BH, a primeira reunião de conciliação entre o Sindicato dos Metalúrgicos de Timóteo (Metasita) e a ArcelorMittal Timóteo que será mediada pelo vice-presidente da casa, Caio Luiz de Almeida Vieira de Melo.

Entenda: Trabalhadores repudiam proposta de reduzir salários na ArcelorMittal

"Esperamos que desta vez a empresa se apresenta e com disposição para negociar, o que não ocorreu durante as duas reuniões de mediação realizadas pelo Ministério Público do Trabalho de Coronel Fabriciano", disse o secretário de Finanças da CNM/CUT e trabalhador na ArcelorMittal Timóteo, José Wagner de Oliveira.

Trabalhadores presentes em assembleia referendam Dissídio Coletivo e Audiência no TRT-BH

Dos companheiros presentes na assembleia convocados pelo Metasita na última quarta-feira (6), 90,5% decidiram rejeitar a proposta de redução dos salários feita pela empresa, e ainda, referendar o Dissídio Coletivo de Natureza Jurídica impetrado pelo sindicato, bem como a reunião de conciliação convocada pelo TRT para amanhã quinta-feira.

Pela decisão, os representantes do sindicato deverão levar para o Tribunal como referência negocial, a implantação de um PDV para os companheiros de nível de manutenção e operação, nos mesmos moldes que foi feito em janeiro e fevereiro/2009.

É preciso também que a empresa esclareça qual das duas versões que vêm sendo divulgado pela sua gerência é verdadeira.

1ª) A do RH que diz, que não pode implantar o PDV porque não pode demitir, ou

2ª) A dos gerentes que dizem que haverá demissão em massa se os trabalhadores não aceitarem reduzir os salários.

Título: Timóteo, Conteúdo: Oorrerá nesta quinta-feira (14), às 13h30, no 8º andar do TRT-BH, a primeira reunião de conciliação entre o Sindicato dos Metalúrgicos de Timóteo (Metasita) e a ArcelorMittal Timóteo que será mediada pelo vice-presidente da casa, Caio Luiz de Almeida Vieira de Melo. Entenda: Trabalhadores repudiam proposta de reduzir salários na ArcelorMittal "Esperamos que desta vez a empresa se apresenta e com disposição para negociar, o que não ocorreu durante as duas reuniões de mediação realizadas pelo Ministério Público do Trabalho de Coronel Fabriciano", disse o secretário de Finanças da CNM/CUT e trabalhador na ArcelorMittal Timóteo, José Wagner de Oliveira. Trabalhadores presentes em assembleia referendam Dissídio Coletivo e Audiência no TRT-BH Dos companheiros presentes na assembleia convocados pelo Metasita na última quarta-feira (6), 90,5% decidiram rejeitar a proposta de redução dos salários feita pela empresa, e ainda, referendar o Dissídio Coletivo de Natureza Jurídica impetrado pelo sindicato, bem como a reunião de conciliação convocada pelo TRT para amanhã quinta-feira. Pela decisão, os representantes do sindicato deverão levar para o Tribunal como referência negocial, a implantação de um PDV para os companheiros de nível de manutenção e operação, nos mesmos moldes que foi feito em janeiro e fevereiro/2009. É preciso também que a empresa esclareça qual das duas versões que vêm sendo divulgado pela sua gerência é verdadeira. 1ª) A do RH que diz, que não pode implantar o PDV porque não pode demitir, ou 2ª) A dos gerentes que dizem que haverá demissão em massa se os trabalhadores não aceitarem reduzir os salários.



Informa CUT

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.