Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Fórum Nacional vai fortalecer unidade entre servidores

Entidades vão lutar pela supressão da exigência de prazo para envio de projetos com previsão orçamentária ao Congresso

Escrito por: Condsef • Publicado em: 13/09/2012 - 13:07 Escrito por: Condsef Publicado em: 13/09/2012 - 13:07
Fórum Nacional vai fortalecer unidade entre servidores

Representantes das 31 entidades nacionais que compõem o Fórum Nacional em defesa dos servidores e serviços públicos se reuniram nesta terça-feira, 11, na sede da Condsef em Brasília. Os integrantes do fórum fizeram um balanço do movimento de greve e dos processos de negociação que levaram a maior parte das categorias a aprovar propostas que prevêem reajustes a partir de janeiro de 2013. Para as entidades a unidade dos trabalhadores e o processo de paralisação foram fundamentais para quebrar a intransigência do governo Dilma que vinha rejeitando a possibilidade de apresentar propostas aos servidores. Para o fórum essa unidade precisa ser fortalecida. As entidades começam a atuar imediatamente. Um trabalho será feito no Congresso Nacional em busca de apoio de parlamentares para garantir a supressão do artigo 76 da Lei de Diretrizes Orçamentárias que impõe o dia 31 de agosto como prazo máximo para envio de projetos com previsão orçamentária para o ano seguinte.

 

Além disso, as entidades vão organizar um seminário para aprofundar o debate sobre negociação coletiva e direito de greve. O objetivo é também buscar apoio de parlamentares para levar à votação os projetos resultados de mais de três anos de diálogo entre governo e servidores do âmbito federal, estadual e municipal. O trabalho permanente do fórum em defesa dos servidores e serviços públicos é de fundamental importância. Não só para assegurar que os acordos firmados este ano sejam cumpridos pelo governo, mas também para garantir que as reivindicações urgentes ainda não atendidas aconteçam o quanto antes.

 

Todos os servidores devem permanecer atentos, promover a mobilização e unidade permanente nos locais de trabalho. Tudo com o objetivo de assegurar que a luta da categoria permaneça assegurando avanços importantes nos processos de negociação com o governo e no atendimento das demandas mais urgentes do setor público.

Título: Fórum Nacional vai fortalecer unidade entre servidores, Conteúdo: Representantes das 31 entidades nacionais que compõem o Fórum Nacional em defesa dos servidores e serviços públicos se reuniram nesta terça-feira, 11, na sede da Condsef em Brasília. Os integrantes do fórum fizeram um balanço do movimento de greve e dos processos de negociação que levaram a maior parte das categorias a aprovar propostas que prevêem reajustes a partir de janeiro de 2013. Para as entidades a unidade dos trabalhadores e o processo de paralisação foram fundamentais para quebrar a intransigência do governo Dilma que vinha rejeitando a possibilidade de apresentar propostas aos servidores. Para o fórum essa unidade precisa ser fortalecida. As entidades começam a atuar imediatamente. Um trabalho será feito no Congresso Nacional em busca de apoio de parlamentares para garantir a supressão do artigo 76 da Lei de Diretrizes Orçamentárias que impõe o dia 31 de agosto como prazo máximo para envio de projetos com previsão orçamentária para o ano seguinte.   Além disso, as entidades vão organizar um seminário para aprofundar o debate sobre negociação coletiva e direito de greve. O objetivo é também buscar apoio de parlamentares para levar à votação os projetos resultados de mais de três anos de diálogo entre governo e servidores do âmbito federal, estadual e municipal. O trabalho permanente do fórum em defesa dos servidores e serviços públicos é de fundamental importância. Não só para assegurar que os acordos firmados este ano sejam cumpridos pelo governo, mas também para garantir que as reivindicações urgentes ainda não atendidas aconteçam o quanto antes.   Todos os servidores devem permanecer atentos, promover a mobilização e unidade permanente nos locais de trabalho. Tudo com o objetivo de assegurar que a luta da categoria permaneça assegurando avanços importantes nos processos de negociação com o governo e no atendimento das demandas mais urgentes do setor público.



Informa CUT

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.